Insônia

Triptopax: por que ele é melhor para insônia que tarjas pretas?

Uma noite, você acorda no meio da madrugada e não consegue fechar os olhos até amanhecer. No dia seguinte, o sufoco se repete. E mais uma vez, até que o cansaço começa a atrapalhar seu rendimento no trabalho ou nos estudos. Com pressa de resolver o problema, os remédios para dormir aparecem como solução imediata para o problema e muita gente consome até sem prescrição médica.

Esses medicamentos têm muitos efeitos colaterais e, nem sempre, são a melhor saída. Isso porque a insônia pode ser apenas sintoma de outro problema e o uso de medicação para dormir, sem que a causa esteja esclarecida, encobre ou mascara doenças mais sérias.

E os riscos não terminam aí. A possibilidade de dependência desse tipo de droga, alterações no sistema hormonal, perda de memória e até disfunções sexuais são algumas das consequências, que podem atrapalhar a rotina de quem decide consumir medicamentos para dormir sem orientação. Inclusive, as fórmulas prejudicam o rendimento nas atividades físicas.

O que são tarjas pretas?

Muitos medicamentos, originalmente utilizados para outras finalidades (descongestionantes nasais, antialérgicos, remédios para enjôo e mesmo alguns antidepressivos), são capazes de induzir sono. Mas existem aqueles específicos para induzir o sono, chamados benzodiazepínicos, de ampla utilização hoje em dia e de alto potencial para gerar dependência física. Existem também os mais modernos, chamados não benzodiazepínicos, com menos efeitos colaterais e menor potencial de gerar dependência.

A dependência física pode ocorrer a partir do terceiro mês de uso consecutivo e se caracteriza por aparecimento de sintomas desagradáveis quando o paciente deixa de usar a medicação. A necessidade de aumentar a dose do remédio para obter efeitos também indica dependência que, quando instalada,pode levar até dois meses para ser superada e o paciente voltar ao sono natural. Estes remédios são de uso controlado e só devem ser usados mediante prescrição médica, principalmente em pessoas que tenham problemas renais ou doenças do fígado, pois são as vias pelas quais os medicamentos são eliminados do corpo.

O consumo de tarjas pretas pode desencadear, entre outros efeitos, elevações bruscas e intensas na pressão arterial. Para os benzodiazepínicos, os efeitos são sonolência no dia seguinte, às vezes com sensação de ressaca, lentidão de reflexos e raciocínio, tonturas, perda relativa de memória e até disfunções sexuais, como a impotência e a falta de lubrificação vaginal. Para os não benzodiazepínicos, os mais modernos, há sensação de boca seca, vertigens, reações alérgicas, sonambulismo, dor de cabeça, náuseas, vômitos e redução da libido.

No fim das contas o resultado é apenas um: tarjas pretas possuem muito mais riscos à saúde do que remédios naturais para insônia, e o melhor tratamento para insônia que existe atualmente no mercado se chama Triptopax!

Triptopax: será que realmente funciona?

Um tratamento inédito no Brasil se mostrou o mais eficaz em reduzir significativamente os efeitos da insônia. Em estudos conduzidos em pacientes com diversos tipos de insônia, adultos, mulheres e idosos, um tratamento natural chamado Triptopax demonstrou eficácia na melhora dos parâmetros do sono e do desempenho nas atividades diárias, associando-se a uma melhor qualidade do sono e maior sensação de bem-estar. Além disso, os pacientes testados não tiveram dependência, efeito rebote ou desenvolvimento de tolerância com o uso a longo prazo.

O motivo dele ser tão bom é sua fórmula 100% natural, livre de efeitos colaterais, que foi desenvolvida por especialistas com foco na rapidez de resultados. Triptopax regula e melhora a qualidade dos ciclos do sono, e também aumenta os níveis de serotonina no cérebro, o neurotransmissor responsável pelo prazer e felicidade.

O tratamento completo do Triptopax consiste de dois potes, um “Diurno” e um “Noturno”, ambos trabalham juntos para oferecer resultados positivos contra diversos transtornos mentais, logo, devem ser tomados juntos para o tratamento surtir o efeito desejado. Para seguir o tratamento à risca, deve-se tomar 1 cápsula do pote Diurno durante o dia e 1 cápsula do pote Noturno entre 2 a 1 hora antes de dormir. Cada pote contém 30 cápsulas, logo, para 1 mês de tratamento, são 1 pote Noturno e 1 pote Diurno, totalizando 60 cápsulas por mês.

Triptopax possui diversos kits, cada um com um valor diferente. E quanto mais kits se compra, maior o desconto, no fim das contas vale muito mais a pena pegar kits maiores do que pegar os kits menores. Quando Triptopax foi lançado, o custo dele era o dobro do atual. O valor hoje está muito mais acessível, e muitas pessoas escolhem o tratamento para 5 meses pois é o que tem maior desconto, aproveitando o tratamento por muito mais tempo, sem preocupações de ficar sem potes tão cedo.

O valor sempre flutua, porque recorrentemente o laboratório faz promoções, e de tempos em tempos o estoque precisa ser reabastecido pois a demanda é alta. Se você tiver qualquer dúvida sobre valores, e sobre as promoções ativas no momento, entre em contato com o suporte e eles te auxiliarão.

Triptopax é o melhor remédio para insônia que existe no mercado atualmente. Pois trata da sua insônia e não afeta sua saúde a longo prazo, sem dependência química e sem riscos. Somente o Triptopax pode te auxiliar de forma natural sem te causar vícios, nem afetar a integridade da sua saúde.

Agora que você já sabe qual é o melhor remédio natural para ansiedade e depressão, acesse o site oficial do Triptopax para ter mais informações, clicando aqui!